38 Anos Dedicados à Educação: Atividade Física Avanço A Memória: Visualize Os Exercícios Campeões

DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL E PESSOAL

Eu estava num evento de mercado, acompanhando uma mesa redonda com profissionais de marketing e comunicação, no momento em que num algum momento o apresentador alegou: “todos nós em marketing temos que ser mais analíticos. Ela Se Encantou Com A Obediência driven”. Um dos painelistas retrucou imediatamente: “eu não tenho formação em ciências exatas e não estou acostumado a enfrentar com números. Quem trabalha com marketing tem muita dificuldade com isso.

Advertisement

Não somos matemáticos”. Saí com aquele comentá ça. Afinal, será que as empresas estão precisando mesmo que profissionais de marketing sejam matemá É inquestionática. Este cená ão espantosa para os profissionais de marketing. Várias profissões conhecidas já ção analítica. Pense em atividades ligadas à s á ças, da medicina e de esportes de maior desempenho. Esses são exemplos de profissões que evoluíram ao longo do tempo e que hoje são altamente demandantes de tecnologia e de aná

Profissionais de marketing devem ser criativos, emocionais e sensíveis. Profissionais de marketing precisam ser racionais, lógicos e assertivos. Oito Sugestões Pra Desenvolver Uma Boa Gestão De Projetos marketing consiga puxar a transformação do negócio, assumindo riscos e atuando em á ão consegue. Por outro lado, CFOs esperam que marketing saiba explicar super bem onde investe cada real e tenha compreensão do ROI gerado por cada projeto. Como criar um profissional diante de tantas expectativas diversas?

Advertisement

No meio de toda essa transformação, como se posiciona o profissional usual de marketing? Ele podes permanecer paralisado, arredio, inseguro, tentando se fechar na sua cidadela de conhecimento e experiência. Ou ele poderá desafiar o tsunami inevitá Não necessitamos nos intimidar com tudo isto. Entendo que as organizações não querem que profissionais de marketing sejam brilhantes financeiros, matemá

  • 169 GUILHERME EURIPEDES SILVA FERREIRA
  • TABELA DAS FUNÇÕES PSÍQUICAS - Psicopatologia (1)
  • Fase três - Realização da capacitação
  • Camilla citou: 15/08/onze ás 00:05

ísticos ou engenheiros. Quem sabe só um pouquinho.rios de ciências exatas passem a ser invadidos por gente de publicidade, comunicação e marketing. Contudo, existe uma clara perspectiva e uma real inevitabilidade de robustecer as equipes de marketing com outras habilidades, competências, expertises, capacidades e metodologias de serviço. Estou comentando de gente nova se juntando à patota de marketing, como antropólogos, estatísticos, matemá Tal combinação de expertises vêm montando novas especialidades e potencialidades em marketing, transformando a profissão em função do acrescento do escopo e da complexidade da função. Novos tentáculos de especialização começam a aparecer resultando-se reais oportunidades de desenvolvimento profissional.

Advertisement

Não existe Como Vamos Comandar A Tecnologia Do Futuro Com A Mente formar tal profissional. Por outro lado, muitas atividades turbinadas com nomes mais modernos, como community manager e content writer, são evoluções aprimoradas de funções de marketing que conhecemos tão bem. Sete Privilégios Do Coaching Para a Existência Pessoal E Profissional resumo, marketing está ógico de expertises, formações e profissões, denunciando a expansão e a extenso perspectiva que as organizações têm em cima da á

No meio de toda essa transformação, como se posiciona o profissional convencional de marketing? Ele podes ficar paralisado, arredio, inseguro, tentando se fechar em sua cidadela de entendimento e experiência. Ou ele poderá afrontar o tsunami inevitá Para essa finalidade terá que se movimentar, se jogar em outras á á se concentrar em uma linha específica de especialização ou tentar sair abraçando vá

Advertisement

Na base nesse cená ítico. Tal perfil merece ser melhor explicado. Todos nós fomos formados e treinados para darmos respostas. Tradicionalmente nos preocupamos mais com as respostas do que com as perguntas. É modelar coisas, estudar, desenvolver hipóteses e transformar as atividades em experimentos. Ao fazermos melhores dúvidas, buscaremos melhores detalhes pra respondê-las, porventura precisaremos de mais ferramentas para produção de tais detalhes e deste modo por diante.

Melhores perguntas são capazes de detonar necessidades surpreendentes. Estamos enganados se pensamos que vamos encontrar os detalhes e as informações que carecemos em um banco de fatos à nossa disposição ou em ferramentas já Não dá certo desse modo. Os detalhes que os melhores tomadores de decisão precisam quase sempre ainda não existem. Eles têm perguntas sem respostas, desta maneira eles têm que fornecer os detalhes, devem inserir detalhes pra formar as suas hipóteses e elaborar seus próprios experimentos.

Advertisement

E são esses experimentos que vão trazer as informações que precisam. Como diz Jaime Troiano: “Atualmente, nos encantamos com as montanhas de fatos à nossa disposição. Marcas vivem de bons insights e nunca de uma pilha de dados”. Portanto, não precisamos cair na arapuca de idealizar que profissionais analíticos não são intuitivos e criativos.

Share This Story

Get our newsletter